Armazém do antigo porto de Ilhéus será transformado em espaço cultural

A Prefeitura Municipal de Ilhéus, através das secretarias de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e de Meio Ambiente e Urbanismo (Semau), vai promover uma ampla vistoria técnica no armazém do antigo Porto de Ilhéus, que fica ao lado do terminal pesqueiro. A proposta é transformar o prédio, desativado desde o início dos anos 70, num espaço capaz de abrigar equipamentos destinados a produções culturais variadas. A autorização para o início do projeto foi dada ao prefeito Jabes Ribeiro pelo presidente da Companhia das Docas do Estado (Codeba), José Muniz Rebouças.

Inicialmente denominado de Porto das Artes, o projeto conceitual deverá abrigar o funcionamento de um centro de artesanato na cidade de Ilhéus, de áreas voltadas para exposições e de um Memorial da Cultura Negra. “Sem dúvida alguma, este será mais um importante espaço voltado para a produção cultural do município. Além de infinitas possibilidades, como uma casa de exposições e uma bela alternativa de palco para o Teatro Municipal de Ilhéus, o Porto das Artes servirá para criarmos um centro de referência e historiografia da cultura afro-brasileira”, comenta o presidente da Fundação Cultural (Fundaci), Paulo Atto.





De acordo com o secretário da Semau, Antonio Vieira, o antigo armazém será requalificado e adaptado a uma nova realidade funcional. Ele acredita que, após a elaboração do projeto executivo e do início efetivo das intervenções, os serviços de adequação possam ser concluídos no prazo máximo de 60 dias.

História

Os antigos armazéns da Codeba se encontram desativados desde o início dos anos 70, quando foi inaugurado o Porto Internacional. Em 2003, durante o terceiro mandato do prefeito Jabes Ribeiro, dois dos cinco armazéns foram demolidos, atendendo, assim, a uma antiga reivindicação de lojistas e empresários. No espaço, foram construídos  uma área de lazer e um estacionamento, hoje plenamente integrados ao dia a dia da cidade.

Fonte: Prefeitura Municipal de Ilhéus





Deixe seu comentário